ZUMBIDO, som irritante que só você pode ouvir!!!

zumbido no ouvido é um barulho incômodo que uma pessoa escuta sem a existência de uma fonte sonora. De acordo com a Associação Americana de Zumbido (ATA, na sigla em inglês), 20% das pessoas convivem com o problema. Entre os idosos acima dos 70 anos, a incidência é de 25%.

Há zumbido agudos e graves, semelhantes a barulhos como apito, chiado, cachoeira, panela de pressão, motor e grilo. E caso o ruído seja constante, é preciso procurar um médico. “O zumbido costuma ser consequência da perda de audição.

Além da perda de audição, doenças neurológicas, acúmulo de cera no ouvido, depressão e dieta inadequada estão entre as causas do problema. No caso dos fatores fisiológicos, a sensação é desencadeada por falhas na vascularização do ouvido. Com a passagem sanguínea insuficiente, as células têm menos oferta de oxigênio e não conseguem se nutrir adequadamente, o que prejudica o metabolismo da região. Já a depressão altera os neurotransmissores responsáveis pela audição.

Outra causa é o uso excessivo de medicamentos como ácido acetilsalicílico, anti-inflamatórios e antibióticos. Essas drogas podem prejudicar a irrigação sanguínea na orelha interna ao promover a vasoconstrição ou modificar a oferta de nutrientes para as células da região ao alterar o metabolismo de carboidratos e lipídeos.

Existem muitas maneiras de controlar o seu zumbido e reduzir o impacto em sua vida, embora seu zumbido possa não desaparecer completamente. Todo mundo tem uma experiência única de zumbido, então um profissional de audição pode ajudá-lo a gerenciar seus sintomas particulares usando uma combinação de educação, aconselhamento e terapia de som.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fique por dentro de todas as últimas notícias e dicas da região.